27 de dezembro de 2007

Há dias diferentes...

Hoje entrevistei o Dr. Villas-Boas, director do Refugio Aboim Ascensão, em Faro, e apoiante de muitas causas, nomeadamente do sargento Luis, pai da Ana Filipa (vulgo Esmeralda, que hoje fiquei a saber é o nome que os pais biológicos deram, Ana escolheram os pais adoptivos). Ao longo de 45 minutos, falamos sobre ele, sobre mim, sobre crianças abandonadas, sobre o método de criar crianças que não têm nada senão afecto.

E no final, como se isto já não fosse bom, apresentou-me como "amiga" a 3 rapariguinhas lindas. E elas correram para mim e abraçaram-me, num grande abraço, de meninas pequeninas.

2 comentários:

I&U disse...

Essas conversas e experiências, é que nos dão grandes lições de vida!

Claudia disse...

Olá inês!Vejo que fizeste uma entrevista no Refúgio. Como em Área de Projecto também tenho de fazer-lhes uma entrevista gostava de saber como é que correu a tua, isto é, se o Dr. Villas-Boas se mostra disponível para responder às questões que lhe colocamos, se nos deixa à vontade, etc.

Se puderes responder para o meu e-mail: klaudia_ssr@hotmail.com ou aqui mesmo no blog.

beijo*